Van de Graaff e Lawrence – gerador eletrostático e acelerador de partículas

Capa_Completa

Caixa que contém experiências com o gerador eletrostático

Abaixo, foto do gerador de Van de Graaff que esta contido na caixa de experiências do gerador eletrostático e acelerador de partículas (Prof. Newton C. Frateschi do Departamento de física da Unicamp).

Robert Jemison Van de Graaff (1901-1967).

Van_de_graaffEngenheiro americano que após estudar alguns anos em Paris, onde teve a oportunidade de assistir a conferências de Marie Curie, passou a se dedicar à pesquisa no Campo da Física Atômica. Trabalhando na Universidade de Oxford, Van de Graaff sentiu a necessidade, para desenvolver suas pesquisas, de uma fonte de partículas subatômicas de alta energia. Criou então o gerador de Van de Graaff, acelerador de partículas que recebeu seu próprio nome e que encontrou larga aplicação, não só na Física Atômica, como também na Medicina e na Indústria. Em 1931, voltando aos Estados Unidos, dedicou-se à pesquisa no MIT (instituto Tecnológico de Massachusetts). Posteriormente montou uma indústria para fabricar exemplares de seu gerador.

O estudo das partículas aceleradas tem possibilitado desvendar a constituição mais íntima da matéria e formular teorias mais abrangentes sobre os fenômenos do universo. 

Gerador VandegraaffNo gerador de Van de Graaff um motor movimenta uma correia isolante que passa por duas polias, uma delas acionada por um motor elétrico que faz a correia se movimentar. A segunda polia encontra-se dentro da esfera metálica oca. Através de pontas metálicas a correia recebe carga elétrica de um gerador de alta tensão. A correia eletrizada transporta as cargas até o interior da esfera metálica, onde elas são coletadas por pontas metálicas e conduzidas para a superfície externa da esfera.

Como as cargas são transportadas continuamente pela correia, elas vão se acumulando na esfera.

Por esse processo, a esfera pode atingir um potencial de até 10 milhões de volts, no caso dos grandes geradores utilizados para experiências de Física atômica, ou milhares de volts nos pequenos geradores utilizados para demonstrações nos laboratórios de ensino. 

Fonte: www.saladefisica.cjb.net

 

Ernest Orlando LawrenceErnest Orlando Lawrence (1901-1958)

Físico americano nascido na cidade de Canton, Dakota, onde concluiu seus estudos secundários, formou-se em Química na universidade estadual (1922), famoso pelos seus estudos com partículas aceleradas. Estudou no St. Olaf College, na Universidade de Minnesota, na Universidade de Chicago e doutorado na de Yale (1928), onde começou imediatamente como professor associado de física. Depois passou a ser professor catedrático na Universidade da Califórnia, em Berkeley, onde se tornou o professor mais jovem da instituição a alcançar o cargo de titular (1930). Criou o Laboratório de Radiação da Universidade de Berkeley para desenvolvimento de estudos com partículas aceleradas e tornou-se seu diretor (1936). Esta instituição, hoje denominada Lawrence Berkeley Laboratory, tornou-se um importante centro de investigação de Física nuclear e de Física de altas-energias. Com o seu colaborador Milton Livingston, construiu o primeiro ciclotron (1930), um instrumento capaz de acelerar átomos carregados a altas velocidades e que se tornou no principal equipamento para a investigação do núcleo atômico e das partículas elementares, embora já tivesse proposto a idéia num artigo dois anos antes. Desintegrou o átomo do lítio e produziu inúmeros isótopos para aplicação na medicina. Ganhou o Prêmio Nobel de Física (1939) pelo invento e desenvolvimento do cíclotron, por conseguir transmutações nucleares e pelos resultados obtidos com seu invento, especialmente com relação a elementos radioativos artificiais. Também recebeu a Medalha de Mérito Americana e o Prêmio Fermi (1957). Faleceu em Palo Alto, Califórnia e em sua honra foram nomeados o elemento 103, o laurêncio, e os Lawrence Berkeley Laboratory, em Berkeley, e Lawrence Livermore National Laboratory, em Livermore, California.

Fonte: http://www.dec.ufcg.edu.br/biografias/ErneOrla.htm

Para saber mais (inclusive como montar um gerador eletrostático de Van de Graaff):

http://www.feiradeciencias.com.br/sala11/11_03.asp

Junte-se a nosso time. Se você ainda possui as caixas de isopor em sua casa entre em contato conosco pelo email cipexbr[arroba]yahoo[ponto]com Ajude nossa campanha pelo resgate da memória e história da ciência e para o retorno da coleção “Os Cientistas”.

Anúncios

5 Respostas to “Van de Graaff e Lawrence – gerador eletrostático e acelerador de partículas”

  1. Boas! Eu fui coleciondor mas infelizmente não tenho mais nada. Mas, com certeza tudo que for possivel para fazer retornar essa obra prima estando ao meu alcance, farei!

  2. Olá! Alguém tem o livro de experimentos deste fascículo sobre Van de Graff? Se sim, poderia me enviar uma cópia escaneada? Meu e-mail pra contato: algol2br@yahoo.com.br

  3. Olá pessoal!
    Consegui uma cópia digitalizada do Manual de Experiencias desse kit. Está disponivel em:
    http://www.4shared.com/file/ehYe79Mu/Os_Cientistas_-_Van_de_Graaff_.html

    Baixei também os outros 21 manuais digitalizados disponiveis em: http://www.cienciamao.usp.br/tudo/index.php?midia=coci&sort=titulo&pag=1

    Os experimentos são simples e muito bem planejados e apesar de não serem mais fabricados os kits, as experiencias sugeridas podem ser reproduzidas comprando-se material no comercio e se construindo alguma coisa que faltar. Mesmo o gerador Van de Graaff pode ser feito sem maiores dificuldades, assim como muitos dos componentes dos kits das experiencias que ja estudei. Em termos educacionais (seja educação formal, seja na auto educação), o próprio ato de construir os aparelhos pode vir a fazer parte do processo.

    Gostaria de pedir encarecidamente a quem tiver os manuais de experiencias além dos disponiveis nesses links que ajudasse escanando os mesmos e disponibilizando para todos.

  4. Consegui uma copia do livro texto de Van de Graaff e Lawrence. Está em: http://www.4shared.com/document/L90sCgSC/Os_Cientistas_-_Van_de_Graaff_.html

  5. ok eu tenho o manual

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: